Madrid é um dos maiores aeroportos europeus e, da mesma forma que Frankfurt ou Paris, há muitos voos que fazem escala aqui e que nos obrigam a passar várias horas trancados num aeroporto…

Mas todos sabemos que para conseguir voos baratos, muitas vezes há que fazer escalas chatas em vez de irmos directos ao destino.

Caso isto vos aconteça em Madrid, juntem o útil ao agradável e aproveitem para conhecer um pouco da cidade enquanto esperam pelo próximo voo! Aqui fica um pequeno guia do que ver em Madrid durante uma escala.

Transporte para o centro da cidade

assaltos madrid roubos ladroes turistas
Táxis oficiais da cidade de Madrid (Autor: Andrew Fogg / Flickr Creative Commons)

Dado que não vão ter muito tempo por aqui, eu aconselharia apanhar o autocarro expresso até Cibeles. O preço é o mesmo que apanhar o metro, 5€ cada bilhete, e demora muito menos tempo.

Outra opção é apanhar um táxi, mas aí a brincadeira já sai por 30€ (para cada lado)… Ou se quiserem mais opções podem ler este artigo sobre como ir do aeroporto para o centro de Madrid.

O que ver em Madrid?

Chegando a Cibeles temos 2 opções:

1- Conhecer o centro de Madrid

2- Passear pelo parque do Retiro

Dependendo de se já conheces Madrid ou não, podes fazer estes percursos por tua conta, mas eu recomendo que reserves uma visita guiada comigo! É privada, personalizada, em português e vou poder mostrar-te a cidade e contar-te as melhores histórias!

É melhor ir acompanhado por uma pessoa que conhece a cidade e te pode dar as mais variadas dicas e fazer com que não chegues atrasado ao teu próximo voo, do que perderes-te no meio da cidade e acabares por não ver nada, não achas?!

Conhecer o centro de Madrid

Aproveitando que estamos em Cibeles, comecemos por ver a famosa fonte onde o Real Madrid e a equipa espanhola de futebol celebram as suas vitórias. Aqui, no Palácio de Comunicações, podemos também aproveitar para subir ao miradouro e ver as vistas!

Continuamos o passeio subindo a Gran Via e aproveitando para ver edifícios emblemáticos como o Metropolis, o Edifício Telefonica ou o Edifício Carrión na Praça de Callao. Sabias que esta praça é uma das mais transitadas da Europa?

Descemos a Gran Via até à Praça de Espanha, onde se encontra a estátua de D. Quixote e Sancho Pança.

Palacio Real

A próxima paragem é o Palácio Real e a Catedral da Almudena. Se tiveres tempo podes sempre visitar a catedral e a cripta, mas o palácio terá de ficar para outro dia pois é enooorme e vais precisar de algum tempo para o ver.

Subimos a Calle Mayor até à Praça da Vila, um dos meus locais favoritos da Velha Madrid, e continuamos pelo Mercado de San Miguel. Aqui poderás comer ou beber algo, se bem que os preços são um pouco carotes… A seguir vem a Plaza Mayor, as suas figuras míticas, esplanadas e curiosidades. Se não quiseres comer nada no Mercado de San Miguel, aqui tens uma opção bem mais em conta: bocadillo de calamares no Bar La Ideal, um dos meus favoritos.

Pit-stop para comer algo e continuamos, desta vez rumo à famosa Porta do Sol. Não te esqueças de tirar uma foto com a placa do Quilómetro Zero e provar os doces da La Mallorquina, uma das pastelarias mais antigas da cidade. No fundo da praça está a famosa estátua do Urso e do medronheiro, símbolos da cidade. Desde aqui continuamos pela Calle Alcalá até chegar de novo à Fonte de Cibeles para apanhar o autocarro de volta ao aeroporto.

Passear pelo Parque do Retiro

parque retiro estanque curiosidades madrid visitar madrid

Da mesma forma que na outra opção, podemos começar por ver a fonte de Cibeles e o miradouro do Palácio de Comunicações.

No final, seguimos pela Calle Alcalá até à Porta de Alcalá. Sabias que tem duas caras diferentes?

puerta de alcala porta de alcala curiosidades madrid

Entrando no Parque do Retiro, a nossa primeira paragem será no monumento de Alfonso XII, desde onde temos uma das melhores vistas do Estanque Grande do Retiro.

Podes sentar-te nos degraus do monumento e comer qualquer coisa ou apenas apanhas sol e contemplar as vistas. Sabias que há um miradouro no monumento de Alfonso XII aberto ao público desde 2018?

Seguimos para a Casa de Fieras, o antigo zoológico de Madrid, onde ainda encontramos o poço dos macacos e as jaulas dos ursos. As jaulas dos leões foram convertidas numa biblioteca pública ótima para ir com os miúdos no inverno. Logo depois da Casa de Fieras está o meu local favorito do parque do Retiro: os jardins de Cecílio Rodriguez! Não sei se é por causa dos pavões ou da calma que por ali há (que contrasta com o rebuliço do resto do parque), mas na verdade gosto mesmo de la estar.

palacio cirstal madrid

A próxima paragem é o Palácio de Cristal, outro dos locais mais famosos do parque. Podes entrar, é gratuito, e no andar de baixo tem casa de banho para quem precisar.

Continuamos pelo Passeio de Cuba até chegarmos ao Parterre, um típico jardim francês onde podemos admirar árvores com “forma” de nuvens.

Saímos do Retiro e vamos até à Fonte de Neptuno, onde o Atlético de Madrid celebra as suas vitórias e daí subimos até Cibeles, onde apanharemos o autocarro de volta ao aeroporto.

Mais informações

Cada um destes percursos tem cerca de 5 quilómetros e pode ser feito em 1 hora de caminhada +/- rápida. No entanto a contar com paragens para fotos e para descansar, eu diria que são necessárias umas 2 horas para fazer o percurso completo.

Quando fazer estes percursos?

Segundo as contas que fiz, eu diria que são necessárias PELO MENOS umas 5 horas de escala para poderem ir até ao centro de Madrid nas calmas e fazer algum destes percursos. As minhas contas:

– Desembarque: 45 min (pode ser menos, dependendo de onde vêm)

– Viagem Aeroporto – Madrid: 30 min

– Percurso: 2 horas

– Viagem Madrid – Aeroporto: 30 min

– Tempos de espera dos autocarros: 15 min

– TOTAL: 4h

Com estes tempos, calculados um pouco por cima para terem margem de manobra, chegariam ao aeroporto com 1 hora livre até ao embarque do próximo voo, o que para a maioria dos voos chega perfeitamente!

p.s.- Não me responsabilizo caso percam o avião por terem ido até ao centro de Madrid! 😉

flecha azul separadora

PROGRAMA A TUA VIAGEM PARA MADRID

Reserva os teus voos baratos para Madrid através do Skyscanner.

Reserva o teu hotel no Booking, com toda a garantia e segurança de uma plataforma mundialmente reconhecida.

Faz uma visita guiada por Madrid comigo! Privada, personalizada e ao teu ritmo!

Descobre as melhores atividades de Madrid com a Civitatis! Entradas para museus, espetáculos e muito mais.

Chegaste ao aeroporto de Barajas e procuras um transfer privado para te levar ao hotel ou ao centro de Madrid? Aqui estão as melhores opções!

Contrata o teu seguro de viagens com a IATI através dos nossos links e recebe 5% de desconto!

Faz as tuas reservas através dos links parceiros que te deixo no final de cada artigo. Ao utilizares estes links NÃO PAGAS MAIS e ajudas-me a manter o blog, já que recebo uma pequena comissão por cada venda. Muito obrigada!



12 COMENTÁRIOS

  1. Adorei o post! Eu acho que se a pessoa tem tempo vale a pena sim ir até o centro de Madrid, a cidade é tão linda! Mas como eu sou neurótica com perder voos eu tiraria umas 5horas, só pra garantir heheheheh

    • Ahahaha! Entendo perfeitamente! Eu, pelo contrário, sou a pessoa que vai sempre para o aeroporto com o tempo justo para passar a segurança e ir até à porta de embarque… Nunca tive nenhuma escala tão grande que desse tempo para visitar o local, mas conheço gente que já o fez e não se arrependeu! Se algum dia acontecer, acho que também vou aproveitar!

  2. Muito bom o post. Já conheci Madrid, mas acabei ficando uns dias por lá mesmo. Nunca precisei ficar tanto tempo em uma escala a ponto de poder sair e conhecer a cidade, mas sinceramente eu tenho muito medo de acontecer alguma coisa e eu perder o voo rs… O que será que acontece com as bagagens que já estão no destino, caso a pessoa perca o voo? Morro de medo de alguém ver que a pessoa não está lá e pegar a bagagem de sacanagem…

    • Isso de pegar malas de outras pessoas por sacanagem pode acontecer em qualquer lugar, né? Se estiveres lá é mais fácil impedir que alguém roube a tua bagagem, mas há sempre o risco 😛
      No caso de a pessoa não aparecer no destino a mala fica lá, a dar voltas na cinta até ser recolhida pelo pessoal do aeroporto… Depois imagino que dependerá: se eles souberem que vais no voo seguinte, eles guardam a mala, senão imagino que a metem outra vez no avião que vai voltar para o destino onde ficaste apeada para ta poderem devolver… Ou isso espero!! ahahah

  3. Adorei as dicas, é sempre bom ter um bom roteiro para conhecer uma bela cidade, principalmente quando o tempo é curto, né?

  4. Melhor forma de aproveitar uma escala impossível, Madri é uma cidade super diversificada e o roteiro inclui lugares realmente encantadores.

  5. Olá,

    há alguma opção para deixar as malas no aeroporto ? (tipo cacifo ou algo parecido). Vou ter uma escala de algumas horas em Madrid e, por isso, devo dar um saltinho ao Centro, mas gostava de ir sem malas (até porque já tive má experiência – tentativa assalto – no centro de Madrid) 😀 Obrigado

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

19 − sixteen =

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.