Ocupando uma área de 118 hectares e contendo mais de 15000 árvores de várias espécies, os jardins do parque foram construídos entre 1630 e 1640 quando o Conde-Duque de Olivares ofereceu ao rei Filipe IV alguns terrenos em torno do Palácio do Bom Retiro para serem utilizados para o lazer da Corte.

Infelizmente, durante a invasão francesa em 1808, o complexo foi utilizado como quartel das tropas de Napoleão o que fez com que o palácio fosse totalmente destruído e os jardins ficassem em mau estado. Estiveram fechados ao público até 1767, ano em que Carlos III decidiu abri-los aos madrilenos, com a condição de que se apresentassem asseados e bem vestidos.

Como chegar ao Parque do Retiro?

O Parque conta com 16 entradas, sendo que as mais conhecidas são a Puerta de la Independencia, Puerta del Ángel Caído e Puerta de Sanz de Baranda.

Para o caso de estarem pelo centro da cidade (Porta do Sol, por exemplo) na minha opinião não vale a pena apanhar um transporte público para chegar ao parque. Basta subir a Calle Alcalá até à Porta de Alcalá e entrar pela Puerta de La Independencia situada mesmo em frente.

Para o caso de estarem mais longe, as estações de metro mais próximas são Atocha (Linha 1), Retiro (Linha 2), Príncipe de Vergara (Linhas 2 e 9) e Ibiza (Linha 9).

Clica no mapa para ver em ecrã completo

flecha azul separadora

PROGRAMA A TUA VIAGEM PARA MADRID

Reserva os teus voos baratos para Madrid através do Skyscanner.

Reserva o teu hotel no Booking, com toda a garantia e segurança de uma plataforma mundialmente reconhecida.

Faz uma visita guiada por Madrid comigo! Privada, personalizada e ao teu ritmo!

Descobre as melhores atividades de Madrid com a Civitatis! Entradas para museus, espetáculos e muito mais.

Chegaste ao aeroporto de Barajas e procuras um transfer privado para te levar ao hotel ou ao centro de Madrid? Aqui estão as melhores opções!

Contrata o teu seguro de viagens com a IATI através dos nossos links e recebe 5% de desconto!

Consegue até 39€ de desconto na tua primeira reserva no AirBnb com o nosso código.

Faz as tuas reservas através dos links parceiros que te deixo no final de cada artigo. Ao utilizares estes links NÃO PAGAS MAIS e ajudas-me a manter o blog, já que recebo uma pequena comissão por cada venda. Muito obrigada!



2 COMENTÁRIOS

  1. Olá, Susana! Creio que haja um erro de digitação na data de reabertura dos jardins por Carlos III “Estiveram fechados ao público até 1868, ano em que Carlos III decidiu abri-los aos madrilenos…” Poderias verificar, por favor? Gosto muito de teus artigos, um presente para nosso conhecimento. Um abraço! Vera Maria

    • Olá Vera,

      Obrigada pela chamada de atenção. Estive a rever a informação e efetivamente tens razão! Foram abertos ao público por Carlos III em 1767!
      Vou corrigir.
      Abraço!

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.