Em 1774 o rei Carlos III mandou construir na Cuesta de Moyano aquele que viria a ser o antecessor do actual jardim zoológico. Foi chamado de Casa de Fieras, e nele podiam ver-se várias espécies de animais trazidas de todo o mundo.

Localizado junto a um dos edifícios que hoje formam parte do Museu do Prado, complementava o projecto do Museu de Ciências Naturais e era o segundo jardim zoológico da Europa, depois do de Viena.

Em 1830, já durante o reinado de Fernando VII – e depois de uma primeira re-localização da Casa de Fieras – as instalações foram ampliadas, melhoradas e transladadas para a actual localização, junto à Porta de Sainz de Barandas e aos Jardins de Cecílio Rodríguez.

A Casa de Feras era composta por um edifício de dois andares chamado “La Leonera“, o “Foso de los monos“, uma jaula para aves de rapina, alguns lagos para aves aquáticos e umas quantas jaulas para animais de vários portes, incluindo ursos polares e elefantes.

La Leonera durante os primeiros anos do séc. XX

No andar inferior da Leonera, composto por jaulas semi exteriores, era possível observar vários tigres, hienas, uma pantera e um chacal. O andar superior estava destinado a quartos para a família real e os seus hóspedes pernoitarem. Como parte da decoração era possível encontrar animais mortos dissecados (yuck!).

Uma das habitantes mais conhecidas e estimadas do parque foi a elefante ‘Pizarro‘, trazida pela monarca Isabel II de um circo. Entre os truques que sabia, estavam o “abrir garrafas de vinho com a tromba (literalmente…) e beber o vinho”. Pela mão do seu tratador, era levada diariamente até um pequeno lago do recinto para tomar banho, coisa que deixou de acontecer quandofugiu pela Calle Alcalá abaixo e se foi “esconder” dentro de uma taberna (!!!) muito provavelmente atraída pelo cheiro.

Daí partiu para uma pastelaria onde se pôs a comer bolos e pães até que os tratadores a conseguiram levar de volta ao parque. A Pizarro acabou por morrer uns anos mais tarde devido a uma indigestão…

Fosso dos macacos em 1970
Fosso dos macacos em 1970

Com o passar dos anos, novos animais foram chegando à Casa de Fieras, tanto para substituir os que iam morrendo, como para aumentar a fauna já existente. Em 1974 os animais da Casa de Fieras foram, finalmente, transferidos para o novo Jardim Zoológico de Madrid, situado na zona da Casa de Campo. Entre as 83 espécies e 550 animais que foram transladados encontravam-se pavões brancos japoneses, lamas peruanas, avestruzes, gazelas, zebras, antílopes, ursos polares, um hipopótamo.

Entrada para a Casa de Fieras
Pormenor do leão e leoa que nos vigiam desde o cimo da porta principal

Hoje em dia no Parque do Retiro podemos ver alguns dos recintos que foram utilizados entre eles a Leonera, que é desde 2013 uma biblioteca municipal e cujas jaulas foram trocadas por ‘aquários’ de vidro ( virou-se o feitiço contra o feiticeiro e estamos agora a expôr humanos?); o Foso de los monos, que conta um pouco da história da Casa de Fieras e dos seus habitantes; duas “jaulas-caverna” minúsculas que foram em tempos habitadas pelos ursos pardos e que, hoje em dia, dão guarida ao duende mais famoso da capital; o Lago das aves aquáticas também continua pela zona, assim como muitas das esculturas que num princípio faziam companhia aos animais dentro das suas jaulas e que, neste momento, ladeiam um dos passeios que leva desde a Casa de Fieras até aos Jardins de Cecílio Rodriguez.

Estátuas de ursos polares que no início estavam dentro das jaulas (ver fotos antigas)
Leonera nos dias de hoje

Vistas do passeio entre a Casa de Fieras e os Jardins de Cecílio Rodriguez

Vistas do passeio entre a Casa de Fieras e os Jardins de Cecílio Rodriguez
Vistas do passeio entre a Casa de Fieras e os Jardins de Cecílio Rodriguez

flecha azul separadora

PROGRAMA A TUA VIAGEM PARA MADRID

Reserva os teus voos baratos para Madrid através do Skyscanner.

Reserva o teu hotel no Booking, com toda a garantia e segurança de uma plataforma mundialmente reconhecida.

Faz uma visita guiada por Madrid comigo! Privada, personalizada e ao teu ritmo!

Descobre as melhores atividades de Madrid com a Civitatis! Entradas para museus, espetáculos e muito mais.

Chegaste ao aeroporto de Barajas e procuras um transfer privado para te levar ao hotel ou ao centro de Madrid? Aqui estão as melhores opções!

Contrata o teu seguro de viagens com a IATI através dos nossos links e recebe 5% de desconto!

Faz as tuas reservas através dos links parceiros que te deixo no final de cada artigo. Ao utilizares estes links NÃO PAGAS MAIS e ajudas-me a manter o blog, já que recebo uma pequena comissão por cada venda. Muito obrigada!



DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

3 + one =

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.